Do cinema para as manchetes policiais: ex-global, ator paraibano é preso na UFPB
29/11/2018 12:01 em Policial

O ator Ravi Lacerda foi preso na noite da última quarta-feira (28) após se envolver em uma confusão dentro da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). De acordo com Ravi, que já acumula outras passagens pela polícia, ele agrediu os seguranças da instituição depois que esses o impediram de almoçar por estar com uma arma de brinquedo.

 

De acordo com o seu perfil no IMDB, Ravi participou de dois filmes brasileiros que tiveram repercussão internacional: Abril Despedaçado, de 2001, dirigido por Waltter Salles e estrelado por Rodrigo Santoro e O Caminho Das Nuvens (2003), que contou com direção de Vicente Amorim e atuações de Wagner Mora e Cláudia Abreu.

 

Em 2016, o paraibano participou da série global Velho Chico, onde pôde contracenar com estrelas como Camila Pitanga, Antônio Fagundes, Christiane Torloni e Domingos Montagner. Na sua filmografia ainda inclui as mini séries Queridos Amigos, Amazônia: De Galvez a Chico Mendes e Canta Maria, além do documentário O Engenho de Zé Lins.

 

Ravi revelou que foi usuário de cocaína e crack mas, atualmente, utiliza apenas maconha regularmente e realiza serviços comunitários por ter sido flagrado dirigindo embriagado. Ele contou ainda que foi preso há cerca de dez anos por roubo e detido no Morro do Careca, em Natal, capital do Rio Grande do Norte, em 2010 por acampar no local.

 

“Fazer o que, né?”, disse em entrevista ao programa Tribuna Livre, da TV Arapuan, sobre a sua atual situação e vício em drogas, “parei porque não tava dando uma onda boa não, ficava muito estressado. Acho que muita morte acontece por conta de crack e cocaína, por isso fiquei na maconha, ninguém vai usar maconha para matar”.

 

Além das prisões, Ravi também teria passagem por hospitais psiquiátricos. Perguntado a cerca da sua atual profissão, o acusado, que não interpreta mais, mas vive um drama social real, escrito por escolhas mal sucedidas, ironizou: “meu agora trabalho é bater nos guardas da UFPB, arrumei esse emprego agora”.

Fonte:Paraiba.com

COMENTÁRIOS